Anfepramona ou Sibutramina?

Muitas pessoas que estão acima do peso e querem tomar remédios para emagrecer em uma tentativa de perder peso rapidamente, acabam prejudicando a saúde. Não sabem os efeitos colaterais, não se limitam às recomendações de uso e o pior: não consultam um médico.

É por esses motivos que nós sempre recomendamos que as pessoas se informem, consultem um médico antes de tomar remédios, e os combinem com alimentação saudável e exercícios físicos, que é o melhor para a saúde.

Você faz parte do grupo de pessoas que não sabem quais são os tipos de remédios mais usados? Como funcionam? Quais são os principais efeitos colaterais? Então este artigo foi feito pra você!

Classes de remédios para emagrecer registrados no Brasil

Existem várias classes de agentes utilizados para tratar a obesidade e o sobrepeso, mas são apenas cinco os medicamentos registrados no Brasil, e são eles: anfepramona, femproporex, mazindol, sibutramina e orlistate.
Entre estes medicamentos, os mais utilizados são a Anfepramona e a Sibutramina.

Anfepramona

Trata-se de um inibidor de apetite, de ação catecolaminérgica (promove a liberação de neurotransmissores catecolaminas, como a adrenalina, que bloqueiam a sinalização da fome), que atua no Sistema Nervoso Central. Não existem muitos estudos publicados sobre seu uso, por conta das diferentes doses e critérios de avaliação de perda de peso utilizados nesses estudos. O medicamento mais recomendado é o femproporex, eficiente no tratamento do sobrepeso e da obesidade, desde que o uso seja acompanhado por um médico.

Seus efeitos são:

  • Depressão do apetite
  • Diminuição da capacidade de sentir sabor e odor
  • Aumento de atividade física
  • Age no hipotálamo lateral

Efeitos colaterais:

  • Grande chance de dependência
  • Boca seca
  • Insônia
  • Irritação
  • Ansiedade
  • Agitação
  • Delírios
  • Comportamento violento
  • Nervosismo
  • Tremores

Femproporex é contra-indicado para pacientes com distúrbios cardíacos e hipertensos.

Sibutramina

A Sibutramina também atua no Sistema Nervoso Central. Ela inibe a receptação de serotonina e noradrenalina, dois neurotransmissores, causando efeitos sacietógenos e anorexígenos, porque amplifica a sensação de saciedade e também induz à sensação de plenitude. Ou seja: ela trabalha potencializando a saciedade. O paciente come menos, mas perde a fome.

Esse medicamento deve ser utilizado por pacientes com grau 1 de obesidade (índice de massa corpórea entre 30 e 34,9), grau 2 (índice de massa corpórea entre 35 e 39,9) e grau 3 (índice de massa corpórea acima de 40).

Efeitos colaterais mais comuns

  • Boca seca
  • Cefaleia
  • Obstipação
  • Insônia

Outros possíveis efeitos colaterais

  • Irritabilidade
  • Ansiedade
  • Náuseas
  • Taquicardia
  • Taquicardia

Recomendação:

A Sibutramina deve ser usada em doses de 10 ou 15mg por dia, ou no máximo 20mg por dia, de acordo com a recomendação do médico.

Este remédio para emagrecer é contraindicado para pacientes com histórico de doença cardiovascular, doença arterial coronariana, acidente vascular cerebral ou ataque isquêmico transitório, insuficiência cardíaca congestiva, doença arterial periférica, hipertensão não controlada ou arritmia cardíaca.

Como melhorar os resultados dos Remédios para emagrecer

O uso de qualquer remédio para emagrecer deve ser combinado com uma dieta saudável, com a realização de atividades físicas, e com acompanhamento médico. Fazendo tudo isso, o paciente emagrecerá de forma definitiva, pois além de perder peso, ele reeducará o corpo.

Você tem mais informações sobre os medicamentos? E o que você usa: Sibutramina, Anfepramona ou outro? Conte para nós!